+55 11 3446-8380 [email protected]
Tempo de leitura: 4 minutos
Profissionais apertam as mãos após fechar contrato de outsourcing

Ao longo dos últimos anos, a transformação digital está afetando cada vez mais as empresas. Muitas organizações sentiram a necessidade de mudar aspectos internos, tais como infraestrutura e processos, aderindo ao Outsourcing. Isso já que, aquilo que não se adaptar à nova realidade precisa ser substituído ou remodelado. 

Isso também impactou os funcionários que precisaram aprender novas rotinas e adquirir novos conhecimentos. No entanto, mesmo com todas essas mudanças, muitos negócios ainda precisavam de profissionais capacitados em temas bastante incomuns.

E é nesse cenário de exigências de habilidades ou profissionais específicos que surgiu o Outsourcing, um conceito que elimina esses problemas. Nesse artigo, falaremos mais sobre ele, abordando os principais tipos e suas vantagens. Mas antes de tudo, vamos à pergunta principal.

O que é o Outsourcing?

Resumindo em apenas uma frase, o Outsourcing é a terceirização de serviços estratégicos da empresa. Sendo assim, empresas que fazem essa prática costumam terceirizar ações relacionadas ao atendimento ao cliente, finanças e contabilidade, tecnologia da informação, marketing etc. 

No entanto, vale ressaltar que o Outsourcing não é recomendado que seja feito em atividades relativas ao core business. Ou seja, se o foco da sua empresa é desenvolver sistemas, não é recomendado que você contrate agentes externos para fazer esse serviço. Por outro lado, é possível contratar, por exemplo, agências que criem ações de marketing para o negócio.

Tipos de Outsourcing

Depois de definir que o empreendimento fará o Outsourcing de algum setor, você poderá seguir por três caminhos diferentes quando escolher os profissionais. São eles o Nearshore, Offshore e Onshore, onde cada um tem algumas vantagens e desvantagens. Vejamos um pouco mais abaixo.

Offshore

O Outsourcing Offshore é bastante comum em países com maior poder econômico. Isso porque essa prática consiste em contratar profissionais de outras nações, visando reduzir custos. 

Sendo assim, empresas costumam entrar em contato com equipes de países em desenvolvimento (como China e Índia), obtendo um serviço especializado por um preço reduzido. A desvantagem desse tipo de Outsourcing reside nas barreiras culturais e linguísticas que podem dificultar a comunicação geral. 

Nearshore

O Outsourcing Nearshore também trabalha com a terceirização de pessoas que residem em outras nações, mas nesse caso vizinhas ou próximas. Assim, além do fuso horário ser semelhante, os problemas culturais e linguísticos geralmente são muito reduzidos. 

Onshore

Por fim, o Outsourcing Onshore é uma modalidade na qual a terceirização é feita dentro do próprio país. Por um lado essa é uma boa prática para quem não quer ter nenhum problema cultural ou linguístico. Por outro lado, pode gerar gastos um pouco maiores se comparados ao Nearshore ou Offshore. 

Vantagens do Outsourcing

As vantagens do Outsourcing não terminam nos custos de contratação da equipe. Pelo contrário, existem muitos outros pormenores que vão desde o suporte até a criação de ações mais estratégicas para o negócio. Veja como isso acontece a partir de quatro dos principais benefícios da modalidade. 

Suporte especializado

Ao fazer o Outsourcing de algum setor, a empresa contratará o serviço de profissionais especialistas no assunto. Com eles, a equipe de suporte terceirizada consegue sanar dúvidas com clareza, auxiliar na otimização de processos internos, oferecer as melhores opções tecnológicas ao empreendimento etc. 

Agilidade na correção de falhas

É importante lembrar que negócios que não fazem Outsourcing podem gastar bastante tempo resolvendo questões simples, uma vez que não têm profissionais qualificados para isso. 

Esse problema é reduzido drasticamente a partir da terceirização porque um suporte especializado tem bastante conhecimento para agir com rapidez frente aos problemas que surgem.

Gestão correta das soluções tecnológicas

Empresas que não trabalham com especialistas geralmente têm problemas para manter as suas soluções tecnológicas no melhor estado possível. Afinal, é difícil saber quais são as melhores opções sem conhecer o assunto profundamente

Com o Outsourcing, esse problema é eliminado, pois as equipes terceirizadas saberão exatamente quais soluções devem ser implementadas e como elas devem ser geridas. 

Manter a equipe focada no cerne do negócio

Depois de implementar o Outsourcing em determinada área, os colaboradores não precisarão se preocupar excessivamente com a manutenção daquele setor. Afinal, especialistas terceirizados já estão fazendo isso. Logo, eles podem se voltar a questões do cerne do negócio e que tragam resultados mais estratégicos para o empreendimento. 

Empresas que trabalham com o Outsourcing ganham vantagens competitivas não apenas por causa desses benefícios, mas também por estarem imersas dentro da transformação digital. Por isso, é muito importante se manter atualizado sobre ambos os temas. 

E para alcançar esse objetivo, siga as nossas redes sociais! Abordamos esses e outros assuntos por lá para agregar cada vez mais conhecimento.